Transformando a Orange Pi Zero em um roteador Wi-Fi

PULPSTONE é uma distribuição baseada no OpenWrt na qual os desenvolvedores já deixaram instalados diversos pacotes adicionais fazendo com que o uso do sistema seja uma boa experiência e ainda seja amigável e de fácil entendimento para os usuários, mesmo os que nunca tiveram contato com o OpenWrt anterior, foi pensado nas mais diversas possibilidades, incluindo um interface web, LuCI, para configurações e controle, pois não é nativa do OpenWrt, há outras opções mas nem todas apresentam tanta facilidade e disponibilidade de recursos como a LuCI.

Tela inicial da Pulpstone na Orange Pi Zero

OpenWrt

OpenWrt é um sistema Linux projetado especialmente para dispositivos embarcados, possuindo como foco principal roteadores. Ao invés de se criar um sistema único, com firmware estática, o que representa a maioria dos softwares presentes nos roteadores atuais, o OpenWrt vai na contramão disso, ele disponibiliza um sistema aberto, completamente customizável e adaptável, contando ainda com um gerenciador de pacotes de forma que possam ser adicionados e removidos recursos de acordo com a necessidade do equipamento ou usuário.
Dessa forma é possível se ver livre das configurações e limitações impostas pelos fabricantes, permitindo você explorar e usar os recursos da forma que melhor lhe atenda, otimizando assim a forma como que você gerencia e utiliza sua conexão.
É possível ainda desenvolver sua própria versão do sistema, para maiores informações sobre isso vale a pena visitar o site (www.openwrt.org).

Recursos

Orange Pi Zero

  • CPU H2 Quad-core Cortex-A7 H.265/HEVC 1080P.
  • GPU Mali400MP2 GPU @600MHz
  • Memória 512MB DDR3
  • MicroSD (Max. 64GB)/Flash NOR (2MB)
  • Ethernet 10/100M
  • WIFI XR819, IEEE 802.11 b/g/n

http://www.orangepi.org/orangepizero/

Pulpstone

  • Pacotes de suporte All Modem (todos modems)
  • Suporte para Modem 4G
  • Suporte para Modem HiLink
  • Suporte ao USB Tethering do Android
  • Suporte para SFTP Server
  • Pulpstone Mikodemos v5
  • Pulpstone MJPG Streamer
  • Pulpstone Tramsmission
  • Pulpstone miniDLNA
  • LuCI-App-SQM
  • LuCI-App-Access-Control
  • LuCI-App-HD-Idle
  • LuCI-Theme-DarkMatter
  • 3G/4G Info by eko.one.pl
  • Samba Network Shares (NTFS/EXT4)
  • MPD
  • ping_loop v3 Mikodemos – Design by Andriawan
  • Network Interface Profile
  • Bridging Lan e Wireless
  • Suporte a Adaptadores USB de WiFi  (Atheros, Ralink)

Instalando

Para realizar a instalação você precisará de um cartão microSD de pelo menos 4GB, classe 10 ou superior é altamente recomendado, e uma fonte de 5V@2A.

Apesar de não apresentar um elevado aquecimento também é recomendado instalar dissipador de calor sobre o SoC Allwinner H2+.

Passos:

  1. Baixe e descompacte a versão mais recente do Pulpstone no site: http://pulpstone.pw/chaos-calmer-sunxi/
  2. Baixe e instale o Etcher (https://etcher.io/)
  3. Após o Etcher instalado e o arquivo .img descompactado, abra o Etcher, selecione a imagem do sistema, insira e selecione seu cartão de memória e basta apertar “Flash”.
  4. Basta inserir o cartão na Orange Pi Zero, conectar a fonte, o cabo LAN e está pronto para funcionar.

Basta seguir os três passos do Etcher.

Resultados

Após ligada basta aguardar um pouco, o primeiro boot pode ser mais demorado, pois ainda serão realizados alguns procedimentos para preparar o sistema para seu pleno funcionamento, logo que pronta irá aparecer uma rede chamada “OrangePiZero”, basta se conectar para começar a utilizar.

A senha padrão é “internet”

Para realizar ou alterar configurações basta acessar o IP: 192.168.1.1
Usuário: root
Senha: root

Agora que finalmente contamos com as Orange Pi em mãos teremos alguns artigos sobre elas, a medida que o desenvolvimento utilizando as placas também segue crescendo.

Spoiler: Em breve artigo sobre a Orange Pi PC2

42

Graduando em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de São João del Rei (UFSJ) também é Técnico em Eletrotécnica pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG). Apaixonado por criação e desenvolvimento de projetos relacionados à software e hardware.

6 Comentários

  1. Fabricio - 23/01/2018 reply

    Boa noite!
    Acabei de comprar um orange pi plus2, na China… Ainda nem chegou, claro. Mas tenho vontade de ter um servidor de arquivos (fotos, na verdade, principalmente) com possibilidade de acesso pela internet… andei olhando e via vnc parece perigoso, devido à eventuais invasões… tem alguma forma segura de usar o mesmo?

    • O problema de manter um servidor na internet é quanto ao IP, aqui tenho uma link de fibra ótica e para manter o IP fixo é preciso pagar uma taxa a mais para o provedor, uma alternativa é o uso do DynDNS ou similares.

  2. Possuo um Orange Pi PC Plus, é possível usar nele? sei que é um exagero usa-lo para esse fim, mas gostaria de testar esse sistema.

    • Não tenho certeza se existe uma versão estável do OpenWRT para a OPi PC Plus, mas caso você entenda de linux você pode conseguir portar o sistema.

  3. alexandre - 29/10/2017 reply

    boa tarde tudo bem? preciso fazer um repetidor wi-fi para fazer uma rede wi-fi chegar na minha casa. pensei em usar um raspiberry pi oi orange pi mais um adaptador wireless usb de 80 dbi. tem como juntar tudo isso com openwrt?

    • Boa tarde, tem sim. Utilizando este sistema é possível criar o repetidor usando a Orange Pi Zero, que é uma placa relativamente barata.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *